The Joy Formidable - Hitch

The Joy Formidable - Hitch
  • Ano: 2016
  • Selo: C'mon Let's Drift, Caroline
  • Produção: The Joy Formidable
  • # Faixas: 12
  • Estilos: Rock, Rock Alternativo
  • Duração: 66:02
BBBaa

The Joy Formidable é uma ótima banda de Rock com um timing esquisito. Sua música, embora produzida a partir da década de 2010 (seu primeiro álbum, The Big Roar, é de 2011), soa como um grande fenômeno mainstream da segunda metade dos anos 90. Contudo, apesar dessa anacronia que nos dá uma sensação estranha a respeito de sua música, Hitch é um álbum feito para soar grandioso.

Meticulosamente produzido ao longo de um ano, Hitch vem consolidar a imagem de uma banda de Rock ambiciosa. A tendência de The Joy Formidable para o Ópera Rock sempre foi um pouco difícil de disfarçar. Faixas que circundam os sete minutos estiveram presentes em toda sua discografia até agora, arranjos apolicalípticos à la Muse configuram um de seus principais ingredientes, e arranjos de cordas ostentosos, como se vindos diretamente dos álbuns duplos de Smashing Pumpkins, marcam presença ocasionalmente.

Hitch ultrapassa uma hora de audição, e mescla células potentes, de riffs pesados de guitarra, com momentos de intimidade da banda, conversando em estúdio, com algumas baladas tocadas num violão besuntado de reverb. O álbum, afinal, nos dá a sensação de uma The Joy Formidable dando o melhor de si mas que, infelizmente, em alguns momentos, peca pelo excesso de zelo com suas faixas. The Gift apresenta uma guitarra David Gilmouresca que não avança para nenhuma direção. Fog (Black Windows), no entanto, sai da formatação habitual do grupo com uma vibe ardida digna de Yeah Yeah Yeahs. Don’t Let me Know se arrasta e deixa o trabalho com uma energia decrescente. The Last Thing on my Mind, ao contrário, exibe uma energia sexy, irônica e envolvente.

Hitch não é um álbum impecável, com três ou quatro momentos de derrapagem que pecam, mais do que qualquer outra razão, por macular o andamento de suas faixas. Todavia, o disco emana a energia e a dedicação de um dos raros representantes do Rock atual.

Bom para quem ouve: Muse , Smashing Pumpkins , Yeah Yeah Yeahs

Artista: The Joy Formidable

Marcadores: Rock Alternativo, Rock